PaulCelan

Paul Celan
A dor dorme com as palavras


A dor dorme com as palavras

A dor dorme com as palavras, dorme, dorme,

Dorme e vai buscar nomes, nomes.

Dorme e a dormir morre e renasce.


Uma semente germina, sabias?

Germina, germina

uma semente da noite, nas ondas, um povo

começa a cescer, uma estirpe

da-dor-e-do-nome —: firme

e como que desde sempre submersa

e fiel — : a não-

-existente,

a viva

e minha, a

tua.


© José-António Moreira 2012